Hábito não Atraente N°2- Insegurança Constante

“Eu pareço gorda com essa roupa?”

“Você ainda me ama?”

“Você acha que ela é mais bonita do que eu?”

“Eu sou bastante atraente para você?”

A insegurança constante deixa os homens furiosos e alimenta a ilusão do seu ego de que você é deficiente em alguma coisa e ” menos que” alguma coisa. Quando você acolhe os pensamentos de insegurança, você cava um buraco sem fundo que nunca oide ser preenchido, independentemente de quantas promessas receba. Isso aconte porque a ideia de que você é “menos que” é falsa. Ela é uma ilusão. Uma ilusão nunca pode ser eliminada porque, antes de tudo, não é algo real.

A insegurança e falta de confiança pertencem ao conjunto humano natural de emoções e nunca desaparecerão completamente. Tenha certeza que todo mundo no planeta tem sentimentos de “Eu não sou boa o suficiente” aqui e ali. A chave para ser irresistível não é favorecer ou impedir que esses pensamentos surjam. Não resista a eles também! Simplismente permita-se notar ou observar aqueles sentimentos e dizer “Hum… não é interessante?”, ou, melhor ainda, “Estou pensando naquilo de novo… E daí?” e redirecione sua atenção para o exterior. Quando surgirem sentimentos de insegurança, permita-lhes simplismente passar pela sua mente como nuvens flutuando pelo céu.

Não bloquear pensamentos inseguros é uma habilidade que pode ser aprendida e sem dúvida uma obrigação, se você quer ser irresistível. É como se você pudesse tanto investir em sua falta de confiança como na sua irresistibilidade. Eu sugiro a última.

Aqui está uma dica: se você acha que aparenta estar gorda quando usa determinada roupa, provavelmente você está mesmo. Eu sei que parece cruel, mas é verdade. em todas as roupas foram feitas para todos os tipos de corpo. Prefira roupas em que você sabe que fica fantástica e que ressaltem seus atributos. Abra o guarda-roupa com uma amiga de confiança e elimine as roupas que fazem você se perguntar: “Eu pareço gorda?”.

Aqui está outro ponto importante. Não importa o quão magra, bem-sucedida ou atraente você seja, a insegurança não desaparece. Isso acontece porque você nunca consegue discernir um falso pensamento interno de uma realidade externa. É como tratar o sintoma em vez de curar a doença. O modo de curar a doença da insegurança é se permitir sentir-se insegura (em outras palavras, não resistir a ela). Mas também não insista nela. Em vez disso, direcione a sua atenção para o q está acontecendo ao seu redor. O que pode significar ouvir uma conversa até o fim, ou tomar uma atitude de organizar a sua mesa. Onde quer que você concentre a sua atenção a sua atenção, a energia flui. Se você simplismente notar pensamentos de insegurança sem tomá-los como pessoais ou fazer com que eles adquiram algum significado, verá que eles ocorrerão com menor frequência. Você também e comprometida em sua vida — que é a chave para libertar a sua autêntica irresistibilidade.

Para ser honesta, a maioria de nossos pensamentos é pura tagarelice mesmo (sim, é um termo científico). Nada tem sentido, além daquele que atribuimos. Com a prática, podemos treinar para não levar nossos pensamentos tão a sério ou para o lado pessoal — especialmente os que não são estimulantes. Quando eles aparecem, simplismente diga “Obrigada por me avisar”, e siga sua vida.

Por: Marie Forleo

Anúncios

4 pensamentos sobre “Hábito não Atraente N°2- Insegurança Constante

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s